Martinuccio mal chegou e já foi excluído do elenco da Ponte Preta

Martinuccio mal chegou e já foi excluído do elenco da Ponte Preta

Decisão foi tomada porque atleta abandonou tratamento médico

Eleito há poucos anos um dos melhores atletas da Libertadores da América, quando ainda defendia o Peñarol, Martinuccio foi contratado a peso de ouro, com um grande salário, pelo Fluminense. No Time de Guerreiros, porém, o atleta teve pouquíssimas oportunidades, principalmente por conta de lesões. Emprestado para alguns clubes, o atleta não conseguiu se firmar nenhum. Ao término do contrato, o argentino foi anunciado, meses depois, pela Ponte Preta. Entretanto, o atacante abandonou o tratamento determinado pelo Departamento Médico da Macaca e, por consequência, não faz mais parte do elenco alvinegro.

Pelo acordo firmado com o atleta, estava estabelecido que ele só assinaria contrato e receberia qualquer tipo de salário quando estivesse apto a jogar e, com o abandono do tratamento estabelecido para três meses, ele não recebeu nem receberá nada, além de estar fora do time em definitivo.

– Quando o Martinuccio chegou ao clube, nem completou a bateria de testes porque não conseguia correr. O problema que ele tinha de joelho era relativamente fácil de tratar, mas necessitava de tempo. Com o que vimos, não tinha como aprovar para contrato, porque ele precisaria ainda fazer um tratamento para aliviar a dor e começar transição física, para depois treino, o que era até natural porque ele estava há sete meses sem entrar em campo – explicou Roberto Nishimura, chefe do Departamento Médico da Ponte.