Foto: Nelson Perez / Fluminense FC

Meia-atacante com passagem pelo Fluminense em 2016, Felipe Amorim teve ganho de causa em um processo na Justiça contra o clube verde, branco e grená. O valor da sentença é de R$ 1 milhão e foi dada pelo Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região. A decisão, porém, ainda cabe recurso.

Para os tricolores que não lembram, Felipe Amorim, de 30 anos, atuou pelo Tricolor por apenas dez jogos em 2016. Ele teve contrato com o Flu até 2019, mas acabou sendo emprestado para vários clubes: Coritiba (2016), América-MG (2017), Figueirense (2018) e Guarani (2019).

O jogador cobra Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) desde de 2017, direitos de imagem a partir de dezembro de 2018 e as férias de 2019, além de juros e multa. Atualmente, ele defende o Chiangrai United, da Tailândia.