Mesmo no banco, Abelão ressalta profissionalismo Deco

Mesmo no banco, Abelão ressalta profissionalismo Deco

Foto: Nelson Perez
Foto: Nelson Perez

Exemplo para os jovens, Deco não chiava quando ficava como opção no banco de reservas. Ex-treinador do Fluminense, Abel Braga, citava o luso-brasileiro quando alguém reclamava de ser apenas opção.

– Você nunca viu o Deco fazendo cara feia no banco. Aí os garotos olhavam e se impressionavam. Quando alguém ameaçava reclamar eu mandava logo: “Já viu quem está no banco? Já viu o que ele ganhou? Se ele não reclama por que você vai reclamar?”. Isso era importante demais para o meu método de trabalho – explicou Abelão.