Ministro do Esporte condena preços de ingressos no Brasileiro

Ministro do Esporte condena preços de ingressos no Brasileiro

Aldo Rebelo pede soluções aos clubes para baratear entradas em alguns setores dos estádios
Aldo Rebelo pede soluções aos clubes para baratear entradas em alguns setores dos estádios

Ministro do Esporte, Aldo Rebelo, condenou os preços que vêm sendo cobrados nas partidas do Campeonato Brasileiro. Na visão do político, o valor das entradas é exorbitante e os clubes deveriam procurar soluções para baratear os bilhetes, pelo menos para alguns setores dos estádios.

– Os preços são exorbitantes. Teve um jogo entre Santos e Flamengo (no Estádio Mané Garrincha, em Brasília), em que o ingresso mais barato custava R$ 180. Acho que isso é inadmissível. Que haja ingressos mais caros, porque há serviços nos estádios pelos quais os organizadores cobram, mas sou a favor do subsídio cruzado. Ou seja, a parte mais cara dos ingressos ajuda a subsidiar a mais barata, para que o futebol não perca sua essência, sua natureza, que é a ligação com o povo. Se perder isso, perde sua essência – afirmou o ministro durante bate-papo pela internet com blogueiros de futebol e internautas, promovido pela Empresa Brasileira de Comunicação (EBC).