(Imagem: Mailson Santana/Fluminense FC)

Na Série B do Campeonato Catarinense e na Série C do Campeonato Brasileiro, o Criciúma não tomou conhecimento do Fluminense e bateu o Tricolor por 2 a 1, em Santa Catarina, pelas oitavas da Copa do Brasil.

Ao comentar sobre a postura de seus comandados, o técnico Roger Machado aproveitou para elogiar a performance do adversário.

– Não falo em apatia. Porque me soa como desinteresse. Meus atletas nunca estão desinteressados. Falo que não conseguimos sobrepor as dificuldades que o adversário nos impôs. Não achamos as soluções e, pelo fato de estarmos bem marcados, começamos a nos desorganizar dentro do campo, tentando buscar outras iniciativas e com muitos erros de passe, cedendo o jogo para o adversário. O número de erros passes representa muito bem o que foi o jogo no 1º tempo. Muitos erros, alguns passes forçados, algumas decisões um pouco equivocadas, que deram ao adversário a confiança que a estratégia de marcar bem estava funcionando. E isso dava moral ao adversário – afirmou.