Nino espera ser um exemplo positivo para jogadores mais jovens (Foto: Lucas Figueiredo - CBF)

De volta ao Fluminense, Nino vê, gradativamente, seu status mudar. Afinal, foi o primeiro jogador tricolor a conquistar um ouro olímpico com a seleção brasileira no Japão. Agora, pode até se tornar um espeço para os mais jovens. Situação essa encarada com naturalidade pelo zagueiro.

Centrato, Nino considera algo positivo poder dar um bom exemplo a quem queira seguir bons passos na carreira.

— É uma responsabilidade leve. Como outros jogadores já foram espelhos para mim, fico feliz de hoje ser um. Tento ser um exemplo positivo, que as atitudes falem por mim. Espero ser um exemplo agradável. Meus pais sempre me falavam isso quando pequeno, de ser um exemplo como esperam que os filhos sigam. É um sentimento muito bom – comentou.