Foto: Nelson Perez
Foto: Nelson Perez

Antes de sua contratação, Lucas Gomes fora comparado com um ex-atacante do Fluminense. Na opinião do técnico Cristóvão Borges, Lucas é um “Rafael Sobis mais novo”. Veloz, nos treinos joga aberto pela direita e tem a missão de apoiar o ataque, mas sem se descuidar da marcação. O desafio? Aparecer na área para fazer gols.

– A torcida quer ver gols dos atacantes. Atacante que joga pela beirada fica mais longa da área, o importante é que possa marcar bem e que, nas chances que tiver, faça gols. O importante é fazer bem a função e ajudar para que os outros que estão lá na frente possam fazer gols – disse.

Em 2014, Sobis disputou 51 partidas e fez apenas cinco gols, sendo criticado pela torcida.


 


Sem comentários