(Foto: Lucas Merçon - FFC)

A permanência do lateral-esquerdo Egídio, que tem contrato com o Fluminense até dezembro deste ano, para 2022 é pouco provável. O NETFLU apurou que reuniões têm sido feitas semanalmente entre dirigentes tricolores já pensando no planejamento para o futuro e na contratação de reforços para 2022. É sabido, e o NETFLU informou nesta terça-feira, que o clube está no mercado atrás de um atleta para a posição.

Isso porque os atletas disponíveis para a lateral esquerda atualmente não são considerados confiáveis ou muito jovens para serem aproveitados. Diante desse cenário, a cúpula de futebol do Tricolor está quase batendo o martelo sobre a não continuidade de Egídio para o próximo ano. Mesmo que o Fluminense não confirme ou negue é quase certo que o lateral não continua, mas ainda não houve nenhuma conversa sobre esse tema com o atleta ou seu agente, Eduardo Uram.

Vale lembrar que o empresário concedeu uma entrevista exclusiva ao NETFLU recentemente, afirmando que ainda não havia sido procurado para tratar sobre renovação, mas que não se preocupava com o assunto. De acordo com Uram, Egídio é um atleta que tem mercado. A decisão só deve ser oficializada em dezembro, mas o Flu deve comunicar aos atletas com quem não conta para 2022 em outubro ou novembro.