Perto dos 200 jogos, Gum lembra do momento difícil na sua chegada

Perto dos 200 jogos, Gum lembra do momento difícil na sua chegada

Gum lembra de arrancada de 2009 com carinho (Foto: Nelson Perez - Divulgação FFC)
Gum lembra de arrancada de 2009 com carinho (Foto: Nelson Perez – Divulgação FFC)

Gum completa nesta quarta-feira, contra o Goiás, no Serra Dourada, a marca de 200 jogos com a camisa do Fluminense. Perto da marca expressiva, o zagueiro lembra do momento difícil quando ele chegou ao clube. O defensor acertou com o Tricolor em 2009 e pegou, logo de cara, a luta contra o rebaixamento à Série B.

– Quando eu cheguei sabia da dificuldade que seria jogar no Fluminense, principalmente pela situação que o time estava passando. Muitos diziam que não tínhamos mais chance e a pressão era muito grande. Foi em meio a esse momento ruim que eu vi a oportunidade de vestir essa camisa, honrá-la e buscar o meu espaço.  Com muito trabalho e dedicação, Deus abençoou o nosso grupo e as coisas começaram a melhorar. Eu tive a oportunidade, logo naquele meu primeiro instante, de participar de uma arrancada que ficou marcada na história do Fluminense e do Brasil. Isso foi uma lição de vida para muitos de que nada é impossível até que você consiga fazer – disse.