Presidente aposta em carreira internacional para Michael

Presidente aposta em carreira internacional para Michael

Futebol de Michael agrada muito ao presidente do Fluminense

Aos 20 anos, Michael começou a carreira no futebol tarde. Apenas em 2011 ingressou num clube profissional, o Rio Preto-SP. Pego no exame antidoping por uso de cocaína, será defendido pelo Fluminense, que aposta muito em seu sucesso.

– Que ele volte a jogar pelo Fluminense no profissional, e que alcance na carreira as glórias que a gente imagina. Michael pode vir a ser um grande artilheiro, não só do Brasil, como eu tenho certeza que ele pode ter uma carreira internacional – afirmou o presidente Peter Siemsen.