1Uma dívida milionária do Corinthians com o empresário de Petros, Fernando Garcia, e o fato de o meia não ter sido relacionado na partida contra o Once Caldas pela Libertadores foram a gota d’água. Uma reunião acontece nesta quinta-feira e deve selar a transferência do apoiador. Os investidores que colocaram Petros no Parque São Jorge entraram em contato com Fluminense, Internacional e Palmeiras.

O débito com Fernando é de cerca de R$ 5,6 milhões. Para se livrar de pagar este valor, o presidente corintiano Mário Gobbi está disposto a abrir 50% dos direitos econômicos do atleta mais sua liberação. O empresário, no entanto, acredita que esta fatia corresponde a R$ 3 milhões. Portanto, o clube paulista ainda teria de pagar R$ 2,6 milhões em dinheiro vivo.

 

 


Sem comentários