Polícia prende dois suspeitos de esquartejar corpo de Gabriel

Polícia prende dois suspeitos de esquartejar corpo de Gabriel

Gabriel estava sumido desde maio
Gabriel estava sumido desde maio

Policiais da 56ª DP (Comendador Soares) prenderam nesta segunda-feira dois suspeitos de assassinar Gabriel Costa, volante da base do Fluminense que está sumido desde maio. Os presos foram Marcelo Dino da Silva, 25, vulgo Astronauta e Douglas Ventura Conceição, 22, o “01”. Ambos foram apresentados na sede da distrital, em Nova Iguaçu, Baixada Fluminense. O delegado que cuida do caso, Luiz Henrique Pereira Guimarães, informa que o corpo do jogador teria sido esquartejado e jogado num rio da comunidade Parque São Francisco de Paula.

Segundo o delegado, as investigações apontam que o jogador teria participado de um assalto a carro à época de seu desaparecimento e o levado ao interior da comunidade São Francisco de Paula para comprar cocaína. Tal fato irritou o chefe do tráfico na região, conhecido como Lico. Ele não quer veículos roubados na área para evitar a presença da polícia e, por isso, teria encomendado o assassinato do jogador.

– A ordem partiu do Lico. O criminoso conhecido como Astronauta, que é conhecido pela crueldade ao praticar os crimes, foi quem despiu o corpo do Gabriel e o cortou em pedaços. A camisa e um par de chinelos do jogador foram encontrados próximo ao local do crime, não havendo mais dúvida do que aconteceu – disse.