Jogadores vêm treinando em suas casas (Foto: Reprodução do Instagram)

Sem atividades presenciais por conta da pandemia do novo coronavírus, os jogadores do Fluminense estão trabalhando de suas casas. Mas como fica a condição dos goleiros? Em entrevista ao NETFLU, André Carvalho, preparador de goleiros tricolor, falou um pouco sobre o trabalho desenvolvido e o condicionamento dos atletas.

– Estamos trabalhando há um mês. Então, todos eles, na parte física, estão 80%. É notório a evolução nas valências físicas: força, potência, agilidade e coordenação – relatou.

O elenco profissional do Fluminense conta com Muriel, Marcos Felipe e João Lopes para o gol. Marcelo Pitaluga, em princípio, fica com o time sub-23.