Preparador físico dos juniores revela o seu método de trabalho

Preparador físico dos juniores revela o seu método de trabalho

11985841363_d7d8ecac95_b1-616x411Dono de uma das categorias de base mais respeitadas do Brasil, o Fluminense se tornou um expoente no tema. Um dos responsáveis pelo bom trabalho dos juniores, por exemplo, que bateram o Vasco, no fim de semana passado, por 4 a 1, o preparador físico Gabriel Pinho falou sobre como desempenha o seu trabalho.

– Eu procuro somar a palavra do treinador. Eu falo com o coração e eles sentem isso. No dia em que eu não tenho a intenção de falar, eles me cobram. Dizem que precisam me ouvir. Isso é muito importante no trabalho. A sua forma de falar com o jogador tem que ser verdadeira, pois quando ele sente confiança em você, todo o seu conhecimento passa a ser colocado em prática – disse o preparador físico.

De acordo com o site oficial do Fluminense, Gabriel já trabalha nas divisões de base do clube há mais de 10 anos (chegou em fevereiro de 2003) e foi subindo gradativamente: passou pelas categorias mirim, infantil e juvenil antes de chegar aos juniores. Durante este período, ele já esteve presente em quase 40 decisões. Muitos títulos foram conquistados. De acordo com ele, o segredo para o sucesso é relativamente simples.

– Acho que o principal é a forma de conduzir o treino. É muito importante explicar aos atletas o objetivo de cada exercício. Tento fazer com que o jogador execute a atividade com vontade e entendendo por que e pra que precisa de cada treinamento. Costumo dizer que o trabalho fica alinhado quando o jogador compra a ideia do treino.


Sem comentários