Preparador projeta dois picos de rendimento no ano para o elenco

Preparador projeta dois picos de rendimento no ano para o elenco

Em junho, a delegação do Fluminense viaja para os Estados Unidos para um período de treinos em razão da parada do Brasileiro para a disputa da Copa das Confederações. A intertemporada será bem vinda, como explicou o preparador físico do clube, Cristiano Nunes.

– O fato de ter três semanas de intervalo no meio do ano facilita o trabalho da preparação física. Sabemos que teremos poucas semanas livres no segundo semestre. Poderemos atingir dois picos de rendimento ao longo do ano e refazer as cargas de treino no meio da temporada, de forma concentrada. Atingiremos um novo pico no segundo semestre, mas, em contrapartida, não teremos semanas cheias para direcionar os treinamentos. Precisaremos ter todos os atletas em boas condições, porque a rotatividade ocorrerá em um período menor de tempo – argumentou Nunes.