Roger admite necessidade de fazer escolhas e modificar a equipe (Foto: Lucas Merçon - FFC)

Passado o empate de 0 a 0 com o Ceará, o Fluminense já volta suas atenções para o jogo contra o Sport, no próximo sábado, na Ilha do Retiro. E, de olho na partida da próxima terça-feira, frente ao Cerro Porteño, no Paraguai, pela ida das oitavas de final da Libertadores, o técnico Roger Machado já adianta que irá poupar jogadores.

Sem adiantar nomes, o treinador reconhece a necessidade de rodar o elenco tricolor.

— O certo é que iremos segurar alguns atletas sim, para que levemos contra o Sport um time competitivo sem que tenhamos algum tipo de prejuízo para o jogo da terça-feira que é logo na sequência. Não tem muito o que fazer. É fazer essas escolhas. Não gosto de falar a palavra priorizar, porque parece desprestígio para o Campeonato Brasileiro e para o adversário. Porém, temos que fazer escolhas do que é relevante ou não para esse momento – disse.

No empate de 0 a 0 com o Ceará, Fred saiu ainda no primeiro tempo com um problema na coxa direita e preocupa.