(Foto: Lucas Merçon - FFC)

Quando o Fluminense fez 2 a 0 ainda no início do segundo tempo, parecia que a vitória sobre o Independiente Santa Fe seria tranquila. Mas raramente as coisas vêm facilmente. O adversário descontou logo em seguida e, na sequência, Egídio foi expulso. Os minutos finais da partida na Colômbia, quarta-feira, válida pela segunda rodada do Grupo D da Libertadores, foram de sufoco. Feliz com a postura da equipe, Roger Machado enalteceu a força do grupo para segurar o resultado.

O técnico destacou a característica da competição. Nem sempre vai ser possível vencer jogando bonito e dominando.

– Em Libertadores, a gente sempre busca impor o jogo, mas quando o adversário consegue impor de alguma forma, você usa outro artifício para sobrepor o adversário, faz um jogo físico, de intensidade. A gente conseguiu fazer um jogo intenso e segurar o resultado e o placar quando precisou – analisou.