André deverá ser titular diante do Cerro, na próxima terça, no Paraguai (Foto: Lucas Merçon - FFC)

No empate de 0 a 0 do Fluminense com o Sport, quarta, em São Januário, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro, André ganhou chance como titular na equipe. Após o jogo, Roger Machado admitiu que já se tratou de um teste para o encontro de ida das oitavas de final da Libertadores com o Cerro Porteño, na próxima terça, no Paraguai.

Como Martinelli está suspenso, o volante pinta como forte candidato a ficar com o lugar.

— À medida que o Martinelli não pode jogar (suspenso no jogo de ida da Libertadores), tinha a possibilidade de botar o André para jogar no jogo contra o Sport, mas sabendo que vamos levar um time mais modificado para esse jogo, que o André não estivesse atuando com jogadores que estariam atuando na terça-feira, para dar esse ritmo de jogo para ele. E também afastado do jogo da Libertadores, porque senão seriam só três dias de recuperação e é um jogador de meio, cujo desgaste é muito grande. Também correria o risco do André, mesmo jovem, pelo desejo de se doar em campo, de não chegar completamente recuperado para o jogo da Libertadores. Foi a ideia de colocá-lo em campo, dar jogo e minutagem, podendo levá-lo para o jogo contra o Sport, mas para entrar um pouco só, para sair jogando ou entrar do banco – disse.