Roger gostou da movimentação tricolor, apesar da falta de gols (Foto: Lucas Merçon - FFC)

No empate de 0 a 0 com o Ceará, Roger Machado optou por uma formação diferente. O técnico não escalou nenhum “camisa 10” e recuou o atacante Gabriel Teixeira para o meio de campo. Por mais que o Fluminense não tenha conseguido superar o adversário, o técnico viu boa movimentação dos homens de frente na partida da última quarta, em São Januário, pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

— A alternativa iniciada com Biel no tripé nos gerou muita aproximação. Com as jogadas individuais do Caio e do Luiz, que fez grande partida também, conseguimos chegar na frente dentro de uma proposta de jogo do adversário que era se defender bem, congestionar os nossos espaços, tentar contra-atacar ou através da bola parada conseguir o seu gol – disse.

Depois de empatar com o Ceará, o Fluminense volta a campo no próximo sábado, contra o Sport, na Ilha do Retiro.