(Foto: Lucas Merçon - FFC)

Depois de três meses sem ser aproveitado na equipe principal, André voltou a ter uma chance no time do Fluminense. A suspensão de Yago por três cartões amarelos abriu espaço para o retorno do volante no empate de 1 a 1 com o Fortaleza, domingo, no Castelão, pelo Campeonato Brasileiro. Após a partida, Roger Machado comentou a atuação do jogador.

Na visão do técnico, André se saiu melhor quando foi colocado para fazer exclusivamente a função de primeiro homem no meio de campo.

— Vejo o André com característica de primeiro homem, protetor da zaga. É um jogador de intensidade na retomada, encurtamento rápido, bom jogo físico, relativa boa aérea e construção em primeiro terço. Mas dentro do jogo mesmo conversei com Martinelli e André, e não quis direcionar quem seria primeiro ou segundo volante. Eles mostraram isso mais na base do que eu. Como temos jogado com tripé, coloquei o André na função que sentia mais conforto. Em alguns momentos, eles trocaram de posição, o que nos gerou um pouco de dificuldade. Foi quando fixei o André como primeiro. Acredito que ele fez um belo jogo. Teve personalidade para construir, sair jogando, fazer desarmes, e está capacitado – disse.