Romário comemora afastamento de João Havelange da Fifa

Romário comemora afastamento de João Havelange da Fifa

Romário não perdoa Havelange e sua turma

João Havelange renunciou ao cargo de presidente de honra da Fifa. A notícia foi festejada pelo ex-jogador e agora deputado federal Romário. Em sua fã page no Facebook, o Baixinho comemorou o afastamento.

 
Havelange foi apontado como um dos integrantes de um grupo que se beneficiou com venda de direitos da Copa do Mundo entre 1994 e 2000. As propinas seriam pagas pela empresa de marketing ISL, da Suíça, ex-patrocinadora do Flamengo. Ao todo, U$S 22 milhões (aproximadamente R$ 44,1 milhões em valores atuais) foram inseridos em contas relacionadas aos brasileiros entre 1992 e 2000.

 

Confira o “desabafo” de Romário:

 

Bom dia,

Destaque em todos os jornais do mundo esta manhã, a renúncia do presidente de honra da FIFA, João Havelange, 12 dias antes de a entidade confirmar que ele, Ricardo Teixeira e o paraguaio Nicolás Leoz receberam propina no caso ISL.

Já tinha passado da hora de ele ter renunciado. Pessoas que ocupam cargos de destaque e relevância devem dar exemplo. E qual era a imagem que a FIFA passava com um presidente de honra acusado de receber propina?

Tem mais gente que deveria seguir o exemplo do Havelange, como o atual presidente da CBF, José Maria Marin. Será que a CBF também tem um Comitê de Ética? Já está na hora da entidade que comanda o futebol brasileiro fazer uma verdadeira faxina ética.