Samarone: “Derrota de 1971 foi a mais marcante da minha carreira”

Samarone: “Derrota de 1971 foi a mais marcante da minha carreira”

Samarone, craque tricolor, envergava a camisa 10

Camisa 10 do Fluminense que disputara a Libertadores pela primeira vez na história, Samarone lembra bem do resultado histórico contra o Deportivo Itália. Após ser goleado em casa para o fortíssimo time de Laranjeiras, os venezuelanos venceram no Rio de Janeiro por 1 a 0. O ex-jogador não se esquece daquele confronto.
– Não há sequer comentários para aquela derrota. Se jogássemos mil vezes, perderíamos só aquela. Nós dominamos completamente o jogo e esbarramos no problema do gol não sair. Espero que aquele tropeço não se repita. Aquilo não vai acontecer nunca mais. Foi a derrota mais marcante na minha carreira. Tínhamos tudo para seguir com aquele time para ganhar a Libertadores. Ganhamos do Palmeiras em São Paulo. É impossível ocorrer isso outra vez – afirmou Samarone.