(Foto: Lucas Merçon/FFC)

Um dos reforços contratados pelo Fluminense para a temporada, Samuel Xavier chegou ao clube e encontrou mais do que um concorrente por uma vaga na lateral-direita. Calegari se tornou um parceiro, com quem troca aprendizados a cada treino e jogo. Mais experiente, o camisa 2, aos 31 anos e 12 anos mais velho que o companheiro, tem sido titular e feito grandes jogos pelo Tricolor, mas atribuiu os méritos ao convívio com o jovem jogador revelado em Xerém.

– A gente conversa bastante e se ajuda muito. Quando ele joga, eu procuro observar de fora e passar para ele algumas orientações, e o mesmo aconteceu quando eu jogo. Aprendo muito com ele, por mais que eu seja mais experiente e mais velho. É bom não ter essa vaidade dentro do time. A gente sabe que no futebol isso às vezes acontece, mas a gente prega muito respeito um com o outro e isso está sendo muito bom. Assim ele me ajuda e eu ajudo ele – destacou o jogador.

Samuel Xavier assumiu a titularidade na vitória por 3 a 1 sobre o River Plate no Monumental de Núñez, em Buenos Aires-ARG, que garantiu ao Fluminense a classificação para as oitavas de final da Libertadores