bcBruno César deixou o Corinthians em 2011 com apenas 23 anos para jogar no Benfica (POR). Saiu do clube português para atuar no Al-Ahli, da Arábia Saudita, onde é ídolo. No entanto, o meia pensa em voltar ao Brasil e, apesar da identificação com o Corinthians, não descarta nenhum grande clube do país tupiniquim.

– Creio que realmente exista este status de ser uma das grandes apostas da diretoria, tanto que quando terminou a última temporada eu tinha o desejo de sair, cheguei a conversar com os dirigentes, e todos disseram que eu tinha de ficar pois eles tinham um grande objetivo para este ano, que é conseguir conquistar o campeonato nacional. Mas tenho vontade de voltar para o Brasil. Estou com apenas 25 anos, tive uma saída forçada do Benfica e hoje penso em sair do Al-Ahli. Não falo isso desmerecendo o futebol árabe, mas acho que é um bom lugar para o cara que está pensando em parar fazer um contrato bom e ficar aqui por um tempo. Tenho mais nove ou dez anos de carreira ainda, então acho muito precoce eu continuar aqui. Hoje o objetivo é conversar com a diretoria sobre uma liberação. Penso que o ideal é voltar para o Brasil, jogando uns três anos lá e aí quem sabe voltar ou não para a Europa – explicou, sem preferência por nenhum clube brasileiro:

– Não existe esta questão de preferência. Penso em poder voltar para um time bom da Série A, no qual eu lute para buscar meu espaço e consiga uma boa visibilidade até mesmo para a Seleção. O Brasil tem grandes clubes, o próprio Corinthians, que foi pelo qual passei, tem uma grande história, mesmo não estando num grande momento atualmente. Mas é justamente isso que eu sinto falta. Gosto de jogar tendo esta pressão por resultados, esta motivação a mais.


Sem comentários