Caio Paulista lembra que fez maior parte de sua formação no Fluminense (Foto: Lucas Merçon - FFC)

Caio Paulista vive um momento especial no Fluminense e já avisou que quer permanecer. O atacante passou bom tempo de sua formação na base tricolor, chegou a sair, e voltou no ano passado após defender o Avaí. O sentimento de identificação com o clube, no entanto, nunca diminuiu.

— Sempre me senti um Moleque de Xerém. A maior parte da minha carreira foi aqui, a formação toda. Tenho um carinho enorme pelos funcionários, que eles também tem por mim, e isso sempre fez com que eu me sentisse em casa, uma verdadeira cria do clube. Ter voltado para cá e ter sido recebido de braços abertos, como um Moleque de Xerém, foi muito significativo, importante, e eu sempre vou ser um jogador identificado com o Fluminense – disse.

Emprestado até o fim do ano pelo Tombense-MG, Caio Paulista faz parte dos planos da diretoria. O NETFLU noticiou na quarta-feira que a intenção no clube é chegar a um acordo para adquiri-lo em definitivo.