Simoni admite volta ao Fluminense e explica projeto de saúde

Simoni admite volta ao Fluminense e explica projeto de saúde

Michael Simoni terá cargo não remunerado no Fluminense
Michael Simoni terá cargo não remunerado no Fluminense

Michael Simoni deve, de fato, acertar seu retorno ao Fluminense. O médico tende a comandar projeto de saúde, integrando tanto os profissionais quanto os jogadores da categoria de base de Xerém. Ele explica como será o trabalho e confirma a proximidade da volta ao clube.

– Estamos conversando há um ou dois anos com pessoas ligadas ao Fluminense que o clube tem de pensar a longo prazo. Eu sou uma pessoa da área de saúde e estou sempre fugindo da política. Resolvi fazer algo pensando na saúde do clube, desde Xerém até chegar ao profissional. A ideia é implantar um projeto de saúde, com informatização, palestras e dar de alguma forma o suporte ao departamento de futebol profissional, muito bem comandado pelo Douglas Santos e pelo Filé (o fisioterapeuta Nilton Petrone). A tendência é ser positiva e estou decidindo com o Mário. Eu também vou viajar por agora e ficar uns dias fora. Deve tudo acontecer mais para o fim do mês – contou.

O médico falou também que terá pouco contato com os profissionais e seu cargo não será remunerado.

– Pouco (contato com os profissionais). Meu cargo que está perto é direcional e não remunerado. É pelo quanto eu gosto do Fluminense. Vi logo que o Muricy chegou ao Flamengo falar que viu algo muito parecido no Barcelona. Meu convívio com os jogadores será muito limitado. Até porque o grupo vem apresentando resultados muito bons com o Douglas Santos e o pessoal da fisioterapia comandado pelo Filé – explicou.


Sem comentários