Nenê vem ficando na reserva no time do Fluminense (Foto: Lucas Merçon - FFC)

O meia Nenê encaminhou a sua saída do Fluminense. Segundo informações dos canais Raiz Tricolor e Machão da Gama, posteriormente confirmado pelo ge, foi definido na noite desta segunda-feira, as bases da rescisão contratual. O jogador combinou com a direção de assinar o distrato na manhã desta terça. Fato que abriu caminho para defender o Vasco, que sinalizava o acerto com o jogador, caso o meia decidisse sua vida com o Tricolor.

O NETFLU publicou na tarde de segunda-feira (13), que a possibilidade de rescisão era iminente. Pouco utilizado na reta final de trabalho de Roger Machado e no começo do de Marcão, Nenê desejou mudar de ares. Jogou pela última vez na vitória contra a Chapecoense, em 7 de setembro, mas fazia tempo que não era titular. Última partida que iniciou foi na derrota para o América-MG, em 8 de agosto. O vínculo dele com o Fluminense, inicialmente, terminaria ao final de dezembro.

Nenê e Vasco tiveram conversas preliminares. A tendência é de que acertem a negociação após ele ter a saída oficializada pelo Fluminense, o que deve ocorrer durante a terça-feira. Durante a passagem pelo Fluminense, Nenê foi comandado em duas partidas por Fernando Diniz, atual técnico vascaíno. Foi em 2019. O jogador defendeu o Vasco entre 2015 e 2018, quando se transferiu ao São Paulo. Ele foi campeão carioca em 2017.