Danilo Barcelos tinha negociação avançada com o Cruzeiro antes da procura do Fluminense (Foto: Divulgação)

O Fluminense anunciou a contratação de Danilo Barcelos como reforço na última segunda-feira. O lateral-esquerdo de 29 anos assinou até o fim de 2022. Ao contar os bastidores da contratação, o site “Uol” revelou que o jogador esteve muito perto de fechar com o Cruzeiro e havia sido muito elogiado por Odair Hellmann, o que fez a diretoria se movimentar.

Barcelos tinha proposta do Cruzeiro e já havia pedido para ser liberado do compromisso com o Botafogo. Sua família torce pela Raposa. As diretorias de Fluminense e do Alvinegro estreitaram os laços no recente posicionamento contra o retorno do Carioca em meio à pandemia do novo coronavírus e isso ajudou. Antes do rival vencer o Atlético-MG, Odair elogiou o lateral-esquerdo em conversas com Paulo Angioni, diretor de futebol tricolor.

Depois da segunda vez que ouviu o técnico falar bem do atleta, Angioni ligou para o técnico Paulo Autuori e perguntou sobre a situação do mesmo. Danilo pedira dispensa motivado até pelo aumento da concorrência na posição no Bota, com a Victor Luis, Guilherme Santos e o jovem Hugo, recém-promovido da base. Ele já tinha conversas avançadas com o Cruzeiro.

Com a anuência do Botafogo, o Fluminense também fez uma proposta. Ao saber do interesse, o jogador balançou por ficar no Rio de Janeiro e seguir jogando a Série A e não a B.

O empresário Eduardo Uram não participou ativamente do negócio. Ele representa Barcelos no Rio de Janeiro, mas também é agente de Egídio. Até porque o empresário de Danilo é Luciano Brustolini.