(Foto: FFC)

O problema crônico que Douglas convive o tirou de quase a metade dos jogos do Fluminense nesta temporada. Dos 33 disputados, o volante só esteve em campo em 17. Foi titular em 15, sendo substituído oito vezes.

As dores decorrentes da artrite reativa podem aparecer ou não após os jogos. Em algumas oportunidades, o jovem revelado em Xerém não apresentou sintomas, e em outras, não reunia condições de treinar ou atuar. Logo, seu aproveitamento nas partidas é sempre uma incógnita.

Como ficou fora do compromisso com o Vitória, a expectativa é que seja relacionado para o jogo diante do Atlético-PR, nesta terça, às 20h, no Maracanã. Principalmente pela ausência de Orejuela, convocado para a seleção equatoriana. Desfalcará o Fluminense nas próximas três partidas.