escudo1Nos últimos jogos do Fluminense, alguns torcedores sentiram falta da customização que estava virando tradição no Novo Maracanã. As redes tricolores e o escudo atrás do gol, localizado no setor Sul, não marcaram presença. O motivo foi um só: superstição.

O NETFLU apurou que membros do departamento de futebol pediram para retirar os apetrechos, pois achavam que estavam dando “azar”. O presidente Peter Siemsen, que acumula a vice-presidência de futebol, acatou. A personalização das redes e escudo voltará em 2014.

Da mesma maneira, o Fluminense atuou contra Náutico e São Paulo no Maracanã de camisa branca, pois o traje, segundo as mesmas pessoas, dá sorte em momentos decisivos. Fato é que deu certo, pois o Tricolor voltou a vencer.

 


Sem comentários