Torcida do Flamengo desejou força a Pedro Scudieri (Foto: Armando Paiva)

O clássico entre Flamengo e Botafogo, no último domingo, no Engenhão, foi palco de novas cenas de selvageria. Antes da partida, houve confusão, troca de tiros e a morte de um torcedor alvinegro baleado. Por outro lado, também teve uma bela atitude da torcida rubro-negra Nação 12 ao estender uma faixa em apoio a Pedro Scudieri, agredido a golpes de barra de ferro na cabeça no dia 6 de fevereiro após um jogo do Fluminense contra a Portuguesa pelo Campeonato Carioca.

Scudi ainda luta pela vida e a Bravo 52, torcida da qual faz parte, publicou em sua página no Facebook a respeito da homenagem feita pelos rubro-negros e também sobre os novos incidentes. Veja:

“Manifesto pela paz


Viemos de uma semana conturbada, nosso amigo Pedro Scudieri (Scudi) ainda se encontra em estado grave no hospital, sua recuperação será lenta. A cada dia uma nova conquista. Conseguimos reunir mais de 400 torcedores de diversos clubes para doar sangue.
Mas, o ocorrido ontem na partida entre Flamengo e Botafogo nos deixa profundamente tristes.

A torcida Bravo 52 se solidariza pela família do torcedor que faleceu e por todos que estão feridos.

Essa foto representa nossa esperança. Esperança de um futebol de alegria, paz, como deve ser. Esperança de ir a um estádio de futebol, torcer pelo seu time e ter a certeza que voltará pra casa. Esperança de que todos entendam que somos rivais, mas não inimigos.
A torcida rubro-negra Nação 12 levou uma faixa em homenagem e solidariedade ao nosso guerreiro Scudi. Obrigado!

A violência tem que acabar!

#ForçaScudi #PazNosEstádios”