Como era esperado, o Fluminense não cedeu aos pedidos da Federação de Futebol do Rio de Janeiro e do Vasco da Gama. Batendo o pé, o Tricolor ficará no lado que lhe diz respeito, de acordo com o contrato assinado com o Consórcio Maracanã.

Insatisfeito com essa situação, o presidente cruzmaltino, Roberto Dinamite, tentará levar o duelo do segundo turno, que ainda não tem local definido, para São Januário. Ele ainda confirmou que a renda será toda do Flu no jogo deste domingo.

– Foi feito um acordo. O Fluminense vai ter a renda praticamente toda. E o Vasco, na volta, em outubro, vai decidir se joga em São Januário, no Maracanã ou outro local – disse.

Vale lembrar que o Grupamento de Policiamento nos Estádios (GEPE) já vetou várias vezes a realização de clássicos em São Januário, por considerar o estádio inseguro para grandes jogos.