(Foto: Reprodução do Instagram)

Entra ano, sai ano, o Fluminense não consegue usufruir o bastante de suas joias. O diretor de futebol do clube, Paulo Angioni, comentou a respeito dessa situação, explicando que o Tricolor precisa se ajustar financeiramente para não perder suas promessas muito rápido.

– O ideal é que a gente chegue a um equilíbrio financeiro para que o jogador tenha mais tempo de performar no clube. Mas acredito que ainda em função das dificuldades se veja a necessidade de uma venda por ano para sustentar o processo de construção. Ainda mais em um clube da grandeza do Fluminense – explicou em entrevisra ao GE.

Para se ter ideia, dois jogadores que sequer estrearam nos profissionais e são tidos como grandes valores, Kayky e Metinho, estão pertos de serem negociados com o grupo que administra o Manchester City.