Nesta quinta-feira, o Fluminense fez sua estreia na temporada de 2021, contra o Resende, no Maracanã, pela 1ª rodada da Taça Guanabara. Com um time alternativo recheado de garotos de Xerém, o Tricolor dominou o adversário, mas foi assaltado pela arbitragem e acabou sofrendo a virada no finalzinho e perdendo por 2 a 1. Em atuação vergonhosa, o juiz anulou gol legal e não assinalou pênalti claro para os Guerreiros. Alexandre Jesus marcou para o Flu.

Logo que o juiz apitou o início de partida, deu para ver que os garotos de Xerém estavam a fim de jogo. Marcando a saída de bola do adversário e buscando trocar passes para entrar na retranca do Resende, o Flu criou sua primeira chance aos 10′. Miguel recebeu enfiada de bola, driblou o goleiro e sofreu pênalti escandaloso, completamente ignorado pela arbitragem. Um lance bizarro que já mostrou logo no começo do jogo a qualidade do homem do apito.

Mas o Tricolor não se abateu e seguiu em cima. Aos poucos, o gol parecia estar amadurecendo. E aos 15′, ele veio, mas acabou anulado. Miguel levantou na área, Caio Vinícius tocou de cabeça e estufou as redes. O auxiliar, porém, marcou impedimento, que NÃO existiu. Caio veio de trás e, pela segunda vez em menos de 20 minutos, o Flu era claramente assaltado na partida. Que falta faz o VAR! Depois, foi a vez de Gabriel Teixeira arriscar de fora e ver o goleiro adversário fazer grande defesa.

Na volta para o segundo tempo, os Moleques de Xerém retornaram naquele mesmo ritmo, amassando. Logo com 1′, Kayky enfiou para André, que bateu cruzado e carimbou o travessão. Só na retranca, o Resende estava satisfeito com o empate e se segurou como pôde durante toda a etapa complementar. Mas é aquele velho ditado, né? Água mole em pedra dura… Aos 31′, Raí cruzou da esquerda e Alexandre Jesus, que havia acabado de entrar, tirou o zero do placar: 1 a 0 para a Molecada de Xerém!

Cinco minutos depois, porém, em uma bobeada de Frazan e Luan Freitas, que bateram cabeça na grande área, o Resende literalmente achou ao empate. Um lance completamente isolado. O empate já seria ruim, mas no último minuto, ficou pior. Em jogada pelo lado esquerdo, o cruzamento rasteiro para a área encontrou Jefferson Ruan que finalizou forte e deu números finais ao jogo: 2 a 1 para o Resende. Na próxima rodada, o Flu enfrenta a Portuguesa-RJ, no domingo, no Maracanã.

O Fluminense foi a campo com: Pedro Rangel, Daniel Lima, Luan Freitas, Frazan e Raí; André (Wallace 34’/2ºT), Caio Vinícius e Miguel (Kayky 36’/1ºT); Gabriel Teixeira (Arthur 30’/2ºT), Samuel (Alexandre Jesus 30’/2ºT) e John Kennedy.