(Foto: Lucas Merçon/FFC)

Tendo feito somente cinco gols em toda a sua carreira, o atacante Caio Paulista, de 23 anos, que até o ano passado não havia estufado as redes de ninguém enquanto profissional, não se incomoda com este fato.

Segundo ele, o mais importante é contribuir para o clube como um todo, não só individualmente, mas taticamente também.

– Sei que uma das funções mais importantes do atacante é fazer gols, e sempre quero entrar em campo para balançar as redes. Mas nem sempre é possível, e meu principal objetivo é ajudar a equipe da forma necessária. Fico feliz por ter marcado gols importantes, mas, primeiramente, por saber que pude ajudar o Fluminense a sair com a vitória num jogo fundamental para a gente – disse.