Segundo o jornalista Wellington Campos, da Rádio Itatiaia, advogados do Fluminense estiveram na CBF nesta terça-feira para tentar cassar a liminar do Real Noroeste que impede a inscrição de alguns atletas tricolores no BID. O clube capixaba alega que o Tricolor tem uma dívida a cumprir, mas o Flu rebate dizendo que deve apenas ao América-MG, não ao clube do Espírito Santo.

Relembre o caso:

No dia 09 de janeiro, o Tribunal de Justiça do Estado do Espírito Santo penhorou mais de R$ 10 milhões do Flu e bloqueou a transferência de atletas nos sistemas de Gestão CBF e TMS, o que impede o registro e venda de jogadores até o cumprimento da dívida, por conta de uma dívida com o Real Noroeste Capixaba Futebol Clube. O clube do Espírito Santo cobra do Tricolor um percentual de 20% referente à venda do atacante Richarlison ao Everton (ING).