Cícero não comemorou após marcar gol: “Respeito pelo torcedor”

Cícero não comemorou após marcar gol: “Respeito pelo torcedor”

2O volante Cícero, autor do segundo gol do Santos, se recusou a comemorar a cobrança de falta que morreu na rede. Campeão da Copa do Brasil com o Fluminense em 2007, e vice da Libertadores no ano seguinte, preferiu caminha normalmente e apenas atendeu aos abraços dos companheiros.

– Tenho um carinho enorme pelo Fluminense. Vivi uma das melhores fases da minha carreira no clube. Tenho um respeito muito grande pelo torcedor. Agora, estou defendendo o Santos e muito feliz – afirmou Cícero.