Nesta sexta-feira, o Fluminense firmou um contrato de formação com o jovem meia Arthur, de apenas 14 anos, uma das promessas de Xerém que mais encantam o clube. Com a incrível marca de 81 gols em 99 jogos disputados entre as categorias sub-11, 13 e 14, o jogador assinou um vínculo de quatro temporadas com o Tricolor.

De acordo com a legislação brasileira, o contrato de formação é uma proteção para que o clube não perca o jogador, e só pode ser assinado a partir dos 14. Depois dos 16, o atleta poderá firmar seu primeiro contrato profissional com o Tricolor. Natural de Friburgo, Arthur chegou ao Flu em 2015 e começou no futsal com 11 anos.

– É uma emoção diferente, estou feliz e orgulhoso. Sabemos que Xerém é uma das principais escolas de formação de atletas do Brasil. Sempre confiamos no trabalho e na educação fornecida pelos profissionais da base, como o Marcelo Teixeira, o Marcelo Veiga, os treinadores, auxiliares e todos nos ajudam neste sonho de ver o Arthur, um dia, como um jogador profissional. E principalmente em saber que o Arthur sempre mostrou confiança nos profissionais de Xerém – disse Osmar Júnior, padrasto do Arthur, que ao lado de Carol Wenderrosky, mãe do adolescente, acompanhou a assinatura de contrato.