A Copa São Paulo de Futebol Júnior é um dos torneios de base mais importantes do país e o Fluminense é o segundo maior campeão com cinco títulos. Porém, o Tricolor não sabe o que é conquistar a competição desde 1989 – ou há 30 anos. Mesmo sendo dono de uma das melhores categorias de base do Brasil, a Copinha se tornou um pesadelo para Xerém.

O Fluminense não chega às oitavas de final da Copinha desde 2015, mas acabou eliminado para o Botafogo-SP. Desde a mudança do formato da competição em 2016, os Moleques de Xerém não passaram da terceira fase. Em 2016, caíram para o Primavera-SP na segunda fase. Já em 2017, o algoz foi a Juventus-SP, na terceira fase. Já no ano passado, não passou da fase de grupos.

Confira o desempenho do Fluminense na Copinha nesta década:

2011 – Eliminado nas oitavas de final
2012 – Vice-campeão
2013 – Eliminado na segunda fase
2014 – Eliminado na semifinal
2015 – Eliminado nas oitavas de final
2016 – Eliminado na segunda fase
2017 – Eliminado na terceira fase
2018 – Eliminado na fase de grupos
2019 – Eliminado na terceira fase