Mário Bittencourt diz que construiu tese em 2010 a pedido do cliente
Mário Bittencourt diz que construiu tese em 2010 a pedido do cliente

Uma derrota no passado serve para Mário Bittencourt confiar que o julgamento da próxima segunda-feira no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) terminará com a Portuguesa perdendo quatro pontos no Campeonato Brasileiro e caindo para a Segunda Divisão no lugar do Fluminense. Isso mesmo. Em 2010, o advogado tricolor defendeu o Grêmio Prudente em caso semelhante ao da Lusa e saiu perdendo.

Na ocasião, o zagueiro Paulão havia sido julgado e suspenso numa sexta-feira e entrou em campo no fim de semana para enfrentar o Flamengo. Mesmo perdendo a partida, o clube paulista ainda foi punido com a perda de três pontos no STJD. Agora, do outro lado, Mário Bittencourt lembra que fez a tese da defesa a pedido do Grêmio Prudente, mesmo sabendo da dificuldade do caso.

– Na época, quem atuou diretamente no caso foi o doutor Pedro Vasconcellos, que trabalhava conosco. A pedido do cliente, construímos uma tese bastante semelhante a esta que a Portuguesa vai defender agora. Perdemos. O que me faz ter a convicção de que o STJD manterá seu entendimento e a Portuguesa perderá os quatro pontos neste caso. Mas nosso cliente se convenceu de que fizemos o possível para defendê-lo, apesar de termos perdido, não prosperando a tese defendida que era frágil diante do que diz a lei, o regulamento e toda a jurisprudência do tribunal. Até mesmo por isso o cliente manteve o contrato com nosso escritório – disse.


Sem comentários