Rodrigo e Fred terão um reencontro neste domingo, às 16h, na Arena da Amazônia. Desafetos declarados, zagueiro e atacante farão um duelo em que o vencedor poderá sentir o gostinho de erguer o troféu depois do apito final. A vantagem é do cruzmaltino. Nunca perdeu para Fred em clássicos Fluminense e Vasco: quatro vitórias e dois empates. É a hora de o jogo virar!

No último jogo em que estiveram frente a frente, a marcação e as provocações de Rodrigo mexeram com Fred. Enquanto a bola rolou, os jogadores trocaram empurrões e palavras pouco carinhosas.

– Ele é um cara que se sente incomodado, que não sabe jogar contra um defensor como eu, que marca em cima, marca forte. Aí, ele se perde – afirmou o defensor, na época.


Mas Fred está motivado. Depois de muita confusão com o técnico Levir Culpi, decidiu permanecer no Fluminense, foi ovacionado pelos torcedores de Manaus e quer quebrar o jejum de oito partidas sem balançar a rede. Te cuida, Rodrigo!