Drubscky espera semana para ter todo mundo pronto para o clássico (Foto: Bruno Haddad - FFC)
Drubscky espera semana para ter todo mundo pronto para o clássico (Foto: Bruno Haddad – FFC)

Não há jogo fácil em terras tupiniquins. Contra o Madureira, que briga por uma das vagas nas semifinais e será o adversário do Flu, a complicação deve ser ainda maior. Antes de ir para o duelo, o técnico Ricardo Drubscky explicou, em entrevista coletiva, o que aconteceu de errado no Fla-Flu, para o Tricolor ter saído de campo derrotado por 3 a 0.


– A gente tem que explicar o que a gente diz. Sempre há interpretações fora daquilo que a gente imagina. O que sempre digo e vocês podem ter nos arquivos, é que no futebol temos que nos adaptar a uma realidade pé no chão, dar tempo ao treinador. Não podemos cobrar com um mês, dois meses. Quando falei sobre o jogo contra o Flamengo, quis passar isso. Não me isento de qualquer responsabilidade. Quando cheguei na segunda, quarta estava no campo. No futebol brasileiro, temos de pegar o boi pelo chifre. A gente foi para o jogo, gostei de muitas coisas que vi do Fluminense. Acho que o placar foi muito exagerado e até injusto pelo que o Fluminense fez em campo. Acho que a equipe mostrou bastante coisa boa, a gente tem muito a crescer com o passar do tempo – declarou.


Sem comentários