O Fluminense recebeu o São Paulo no Maracanã, na noite deste domingo, para abrir o returno do Campeonato Brasileiro. Depois de um primeiro tempo sofrível, de ambas as equipes, o Tricolor foi mais eficiente na segunda etapa e venceu o clube paulista por 2 a 1. Nino e Luiz Henrique marcaram para o Time de Guerreiros e Reinaldo descontou para os visitantes de pênalti. Com o resultado, o Flu chega a 28 pontos e fica a apenas um do G6, em 7º lugar.

A partida começou bastante equilibrada. Os dois times já demonstravam desde o apito inicial que o empate não lhes servia e que sairiam para buscar a vitória. Por isso, os primeiros minutos foram lá e cá. O São Paulo, porém, era mais incisivo. Antes dos 15′, Luciano já havia balançado as redes duas vezes, mas ambos os lances foram corretamente anulados. O primeiro por impedimento e o segundo por uma saída de bola na hora do cruzamento.

Foi um primeiro tempo de poucas chances, muito marcado e quase sem espaço para criação de jogadas. Tanto que praticamente não houve oportunidades e Tiago Volpi e Marcos Felipe não trabalharam nos 45 minutos iniciais. Aos 39′, em cobrança de falta frontal, na meia-lua, Danilo Barcelos até teve uma boa chance, mas chutou fraco nas mãos do goleiro são paulino e facilitou sua vida. E isso foi tudo até o intervalo.

Na segunda etapa, os visitantes voltaram com três alterações, enquanto o Flu manteve a sua formação. Logo aos 05′, em bola parada, o Time de Guerreiros inaugurou o marcador. Danilo Barcelos cobrou escanteio, Luccas Claro dividiu com o zagueiro do São Paulo e a bola espirrou com Nino. O defensor tricolor esticou a perna e tocou no cantinho para botar o Fluzão na frente: 1 a 0.

Só que menos de dez minutos depois do gol, aos 13′, Luciano recebeu lançamento, driblou o goleiro e sofreu pênalti de Nino. Reinaldo converteu e deixou tudo igual: 1 a 1. E pareceu que os gols tinham ficado guardados mesmo para o segundo tempo, porque aos 20′, em contra-ataque fulminante, Fred fez um belo pivô e viu bem a passagem de Luiz Henrique. O garoto ganhou na corrida de Miranda, entrou cara a cara e tocou de biquinho na saída de Volpi: 2 a 1.

A partida ganhou em emoção na reta final. O São Paulo foi para o tudo ou nada e o Fluminense se fechou na defesa para garantir o resultado e tentar explorar um contra-ataque para matar o jogo. O contra-ataque não veio, mas o placar também não se alterou. O Tricolor chegou a sua segunda vitória seguida no Brasileiro e agora decide uma vaga na semi da Copa do Brasil contra o Galo, na próxima quinta-feira, no Mineirão.

O Time de Guerreiros entrou em campo com: Marcos Felipe; Calegari, Nino, Luccas Claro e Danilo Barcelos; André, Nonato (Wellington 25’/2ºT) e Yago; Luiz Henrique (Samuel Xavier 38’/2ºT), Caio Paulista (David Braz 44’/2ºT) e Fred (Bobadilla 25’/2ºT).