Em parcerias, Flu exporta jogadores, mas não importa

Em parcerias, Flu exporta jogadores, mas não importa

Marcelo Teixeira não vê custo como entrave para contratações de jovens estrangeiros (Foto: Photocamera)
Marcelo Teixeira não vê custo como entrave para contratações de jovens estrangeiros (Foto: Photocamera)

Fazendo parcerias com vários clubes do mundo, o Fluminense já mandou jovens jogadores para muitos cantos como Croácia, Estados Unidos, Polônia e Suécia. Porém, o Tricolor não vem recebendo atletas dessas partes.

De acordo com o gerente de futebol Marcelo Teixeira, há conversas neste sentido e, apesar do custo envolvido na aquisição de um jogador de fora, o Fluminense pode vir a ter estrangeiros em suas divisões de base em breve.

– Há um pequeno custo envolvido. Os clubes mandariam os garotos e nós temos como hospedá-los. Só teríamos a necessidade de dar alimentação a eles. Existem conversas, mas não aconteceu. Por enquanto, somente treinadores vieram ao Brasil – disse.