FOTO: André Moreira/VRFC

Depois de praticamente dois meses de tentativas frustradas, o Fluminense está bem perto de anunciar um pacotão de reforços: os zagueiros Manoel (Cruzeiro) e David Braz (Grêmio), o meia Cazares (Corinthians) e os atacantes Abel Hernández (Internacional) e Raúl Bobadilla (Guarani (PAR)). Mas, talvez, não pare por aí.

O NETFLU descobriu que um intermediário procurou o estafe do atacante Alef Manga, destaque do Volta Redonda na temporada e artilheiro do Campeonato Carioca. O empresário comentou com o representante do jogador, Marlei Feliciano, que teria “acesso” ao Tricolor das Laranjeiras.

– Teve um intermediário que me procurou perguntando se me permitia liberar o atleta para tentar levá-lo ao Fluminense. Vou ficar muito feliz se o Flu me procurar, seja o Mário ou o Paulo Angioni. Combinei com o Volta Redonda de o jogador ficar até o final do Carioca, mas futebol é dinâmico. Eu não recebi ninguém diretamente, mas um colega, um agente veio e me disse que teria como colocar o jogador no Fluminense, que teria acesso. Eu mesmo não liguei para oferecer ao Flu, porque, graças a Deus, o atleta vem sendo monitorado por vários clubes. Se o Fluminense quiser o atleta, terá de ser rápido – destacou Marlei ao site número 1 da torcida tricolor.

Elogiando o clube das Laranjeiras, Marlei Feliciano reiterou que não houve um contato formal da diretoria verde, branca e grená, mas salientou que seu atleta está sendo procurado por diversos clubes do país.

– Eu só considero contato quando é o presidente ou o diretor de futebol que me liga. O Fluminense é um grande clube. Não tenho dúvidas que o Alef seria a solução de gols para qualquer clube que o contrate. Basta ver os números dele nesta temporada, fazendo um gol por jogo. Ele vai sair do Volta Redonda para disputar o Brasileirão da Série A, no mínimo – concluiu.

Vale lembrar que o Fluminense estreia na Libertadores da América, diante do River Plate (ARG), no dia 22 de abril. A competição é a prioridade do clube para este ano, mas a inscrição para a fase de grupos terá de ser feita nesta semana.