Flamengo estava desfalcado contra o Fluminense, mas por lesões e suspensões (Foto: Lucas Merçon - FFC)

O Fluminense vive fase de instabilidade no Campeonato Brasileiro. Mostra levantamento do site ge que depois da vitória de 2 a 1 sobre o São Paulo, na abertura do segundo turno, as vitórias tricolores foram contra times que estavam bem desfalcados ou com formações alternativas por disputarem competições paralelas. A exceção foi o Flamengo.

No período compreendido, além da derrota para o Atlético-MG na eliminação na Copa do Brasil, foram nove jogos pelo Brasileirão: quatro derrotas (Ceará, Santos, Corinthians e Fortaleza), dois empates (Atlético-GO e Cuiabá) e três vitórias (Flamengo, Athletico e Bragantino). Os três triunfos guardam algo em comum: os adversários tricolores estavam no meio ou às vésperas de confrontos importantes de competições mata-mata.

Frente ao Bragantino, o Fluminense venceu por 2 a 1 no Maracanã, mas os paulistas entraram com uma formação inteiramente reserva priorizando as semifinais da Sul-Americana. Hoje titular, Helinho atuou, mas tinha status de suplente à época.

Já diante do Athletico, o Tricolor fez 1 a 0 na Arena da Baixada. O Furacão, perto da semifinal contra o Flamengo na Copa do Brasil, teve atletas como Terans, Thiago Heleno, Pedro Henrique e Marcinho poupados pelo técnico Alberto Valentim. O gol da partida foi contra de Zé Ivaldo.

Por fim, o Flu bateu o Fla por 3 a 1 no clássico no Maracanã. O rival disputava a semifinal da Copa do Brasil ainda, mas não teve jogadores poupados pelo técnico Renato Gaúcho. Até entrou com desfalques, mas em virtude de lesões (Gabigol, Bruno Henrique, Arrascaeta e Pedro) e suspensão (Filipe Luís).

Confira as formações do Flu e de seus adversários nas últimas vitórias:

22ª rodada – Fluminense 2 x 1 Bragantino
Fluminense: Marcos Felipe, Calegari, Nino, Luccas Claro e Danilo Barcelos; André, Nonato e Yago; Luiz Henrique, Caio Paulista e Fred
Bragantino: Júlio César, Weverton, Léo Realpe, Natan e Luan Cândido; Vitinho, Cristiano e Emiliano Martínez; Pedrinho, Gabriel Novaes e Helinho

27ª rodada – Athletico 0 x 1 Fluminense
Athletico: Santos, Khellven, Hernández, Zé Ivaldo, Lucas Fasson; Pedrinho, Richard, Christian; Pedro Rocha, Carlos Eduardo e Bissoli
Fluminense: Marcos Felipe, Samuel Xavier, Nino, David Braz e Marlon; André, Yago e Arias; Luiz Henrique, Caio Paulista e John Kennedy

28ª rodada – Fluminense 3 x 1 Flamengo
Fluminense: Marcos Felipe, Samuel Xavier, Nino, David Braz e Marlon; André, Yago e Arias; Luiz Henrique, Caio Paulista e John Kennedy
Flamengo: Diego Alves, Matheuzinho, Gustavo Henrique, Rodrigo Caio e Renê; Thiago Maia, Andreas Pereira, Diego e Éverton Ribeiro; Michael e Vitor Gabriel.