Em reunião, Mário revela quanto pagou por apostas do início do ano

Em reunião, Mário revela quanto pagou por apostas do início do ano

Vinícius chegou ao Fluminense ganhando R$ 40 mil (Foto: FFC)
Vinícius chegou ao Fluminense ganhando R$ 40 mil (Foto: FFC)

Peter Siemsen e Mário Bittencourt foram convocados pelo Conselho Deliberativo para prestarem esclarecimentos sobre o planejamento do futebol. Em determinado momento, ao qual o NETFLU teve acesso, o vice de futebol tomou a palavra para falar sobre as contratações de jogadores desconhecidos no início do ano e revelou quanto pagou por eles. O dirigente justificou dizendo que consegue no Tricolor manter uma folha salarial bem inferior à de outros grandes clubes brasileiros.

– Todo mundo sabe que o Giovanni veio do Cricúma ganhando 40 mil, o Vinícius 40 mil, o Lucas Gomes 25 e o Victor Olieira, 19. Procura saber quanto ganham os reservas do Cruzeiro e Palmeiras. Procurem lá. Julio Baptista ganhava 1 milhão de reais no Cruzeiro. A gente traz um Vinícius por um ano. Se ele jogasse bem, diriam que a gente contratou mal: “Por que não faz um contrato de três anos?” Se eu tivesse trazido o Vinícius por três anos de contrato e soubessem a metade das coisas que ele fez, iriam me dizer que sou louco. O Vinícius era uma aposta mesmo, como o Lucas Gomes, que não deu certo. Foi embora sem rescisão. Gastamos com nossa folha R$ 4,9 milhões por mês. O Corinthians gasta R$ 4,2 milhões com jogadores que não jogam lá, botam (emprestam) em outros lugares. A folha do Cruzeiro é de R$ 13 milhões por mês. A do Corinthians, R$ 23,5 milhões, incluindo os jogadores emprestados – enumerou.


Sem comentários