Flu deve propor à Unimed um valor mínimo a ser investido por...

Flu deve propor à Unimed um valor mínimo a ser investido por ano

celsoTodo ano é a mesma coisa. Quando o segundo semestre chega próximo de sua metade, o contrato entre o Fluminense e a Unimed vira notícia. Acostumado a ter grandes atletas, sobretudo por conta da patrocinadora, o Time de Guerreiros viu o ritmo da empresa diminuir nesta última temporada. Tanto que, além de não contratar nomes de destaque, o Flu ainda perdeu Thiago Neves, Wellington Nem e Berna.

Pensando em garantias para ter um 2014 mais tranquilo, o Tricolor pretende estabelecer, no novo vínculo, um mínimo a ser injetado pela companhia, o que deve ser a parte mais complexa da negociação. Isso porque o mandatário da Unimed, Celso Barros é contra uma cláusula desse tipo, inicialmente. Sem contar que o “chefão” tem sido bastante cobrado dentro da cooperativa de saúde pelo patrocínio ao Fluminense ( de valor não divulgado oficialmente).

De acordo com o portal Lancenet, há dois grandes motivos para o interesse do Fluminense em garantias assim. Por arcar com 70% dos vencimentos dos atletas, a Unimed-Rio é essencial para a sobrevivência do futebol, além de  ser uma arma positiva na concorrência com outras equipes, no que diz respeito às contratações.