Flu encerra preparação nos EUA com vitória suada sobre o Orlando

Flu encerra preparação nos EUA com vitória suada sobre o Orlando

Gum marcou um dos gols da vitória. Foto: Nelson Perez

Fim da estada do Fluminense na terra do Tio Sam. Em amistoso, o Tricolor sofreu para derrotar o Orlando City por 4 a 3 no Estádio Citrus Bowl. Gum, Rhayner, Rafael Sobis e Samuel marcaram os gols.

O Fluminense iniciou o amistoso com o Orlando City em ritmo lento. O adversário apostava na correria de seus atacantes e deu muito trabalho para Edinho, Fábio e os zagueiros.

A equipe de Abel até tinha espaço pelos lados do campo, não aproveitados por Carlinhos e, especialmente, Bruno. Os volantes estiveram mal colocados e o Orlando teve liberdade para armar os contra-ataques.

Numa das bobeadas do Flu, o atacante inglês Dwyer abriu o placar. Mano a mano com Digão, deu corte seco no defensor e chutou forte, sem chances para Ricardo Berna.

O Tricolor não vinha bem. Só incomodava em chutes de fora da área. Daí, teve de apelar para sua jogada mortal: a bola aérea. Gum aproveitou cruzamento de Carlinhos e empatou de cabeça.

Porém, antes do intervalo, os norte-americanos poderiam ter saído com a vitória parcial. Fábio foi dribaldo com extrema facilidade e Molino carimbou a trave.

No segundo tempo, entretanto, não demorou para a virada acontecer. Carlinhos cruzou e Rhayner, na dividida, fez o segundo gol.
A partir daí, o time brasileiro comandou a partida, anotou mais dois gols, com Rafael Sobis e Samuel, e deu a impressão de que faria mais quando bem quisesse.

No entanto, o tetracampeão brasileiro relaxou demais na marcação, a ponto de levar dois gols em dois minutos. O Orlando pressionou, chegou a flertar com o empate, mas ficou nisso: 4 a 3.