Flu perde prazo para quitar valor total da primeira parcela por Robinho, diz repórter

Atacante continua sem previsão de estreia

Robinho já se apresentou ao Fluminense, treina com os companheiros, mas segue sem previsão de estreia. O clube ainda não pagou o valor total referente à primeira parcela da compra e, por isso, o Atibaia-SP não liberou toda a documentação. O prazo expirou na sexta-feira e, com isso, o atleta continua sem saber quando jogará, informou Breno Monsef, repórter da Rádio Transamérica.

O clube carioca ainda espera o recebimento da antecipação da segunda parcela da venda de Richarlison para pagar o Atibaia e regularizar Robinho. O Flu ainda não deu um novo prazo à agremiação de São Paulo para que consiga pagar o restante

O Tricolor só quitou 65% da primeira parcela de 1 milhão de euros (R$ 3,7 milhões). Repassou a parte do Figueirense e metade do que o Atibaia teria direito. Os 35% faltantes, portanto, são do time paulista, que espera receber a quantia para liberar a documentação. A segunda parcela será paga em 2018.